Edições

TPA

2016

A TPA é uma Empresa Pública Angolana que se dedica ao serviço de transmissão televisiva. É a maior do ramo, em Angola, destacando-se entre as demais por cobrir todo território nacional e a diáspora. Adicionalmente, fruto dos investimentos realizados nos diversos Centros de Produção e Delegações Provinciais, é hoje possível à TPA transmitir em directo para todas as províncias de Angola.

TPA
valores da marca

A TPA é o meio de comunicação social com maior cobertura nacional e, segundo estudos da Marktest, líder de audiências através de dois dos seus canais, a TPA 1 e o Canal 2, com 88% e 80% respectivamente.

Actualmente, conta com três canais que emitem 24 horas por dia – TPA 1, Canal 2 e TPA Internacional. Um quarto canal de distribuição por Internet, o TPA Online, é já também uma realidade, assim como o aplicativo TPA Mobile.

Embora sendo ambos generalistas, o canal TPA 1, além de também apresentar conteúdos educativos, desportivos, infanto- -juvenis, entre outros, tem uma vertente mais informativa e institucional, enquanto o Canal 2 tem maior enfoque no entretenimento para uma faixa etária mais juvenil. Por seu lado, a TPA Internacional dá resposta aos angolanos que vivem na diáspora, promovendo a imagem e divulgando a realidade angolana e o respectivo crescimento em todos os domínios da vida política, social, cultural e desportiva.

Inserida num ambiente audiovisual altamente competitivo, a TPA assume-se todavia como uma organização que direcciona a sua actividade na busca incessante da satisfação do seu universo de telespectadores espalhados por todo o território nacional. É neste pilar que assenta todo o trabalho de reestruturação que a empresa tem vindo a desenvolver nos últimos tempos, com o objectivo de se posicionar à altura dos novos desafios.

produtos e desenvolvimentos futuros

Da vasta gama de programas da TPA, destacam-se os programas informativos e de entretenimento, com o propósito de diversificar ao máximo os conteúdos e ir de encontro às necessidades de um público cada vez mais exigente. É pois no quadro da preocupação permanente de melhorar a sua oferta de conteúdos, que a TPA tem vindo a melhorar as suas grelhas, lançando novos programas, mais dinâmicos e mais atractivos. Por outro lado, no universo digital, a renovação do “website” da TPA, que apresenta já um novo “layout”, mais interactivo, dinâmico e intuitivo é um primeiro passo para a consolidação do canal TPA Online.

A TPA tem vindo a implementar uma nova dinâmica funcional, no sentido de uma maior interligação entre as suas distintas direcções e áreas operacionais, quer em Luanda como nas restantes delegações da TPA espalhadas pelas restantes províncias de Angola.

O novo Conselho de Administração integra duas novas Administrações Executivas, designadamente o Intercâmbio Internacional e as Relações Institucionais e Coordenação Provincial.

A DTI - Direcção Tecnologias de Informação, é um órgão indispensável para o funcionamento da TPA, sabendo-se que qualquer organização moderna jamais é eficiente e competitiva sem as chamadas TI – Tecnologias de Informação. Está sob as responsabilidades da DTI dotar a empresa de sistemas, através do contínuo acompanhamento de novos lançamentos e do aprimoramento dos “hardware” e “software” já existentes, planejar, coordenar, gerir e supervisionar os projectos de desenvolvimento e manutenção de sistemas, comunicação de voz e dados, estabilização da rede eléctrica, rede local com e sem fios, infra-estrutura computacional, serviços de atendimento de informática e demais actividades relacionadas com as TI.

O serviço TPA-Repórter é uma experiência piloto que a TPA está a implementar, sendo o primeiro órgão de comunicação social da região Austral de África que utilizar o Serviço de envio de Reportagens via Internet/ Redes IP “SD/HD IP Vídeo Streaming”. O Serviço TPA-Repórter permite o transporte ou envio de reportagens áudio visuais/video clips, com qualidade “broadcast” SD/HD (Standard/High Definition - Definição Padrão e Alta Definição), através da Internet ou qualquer rede de computadores IP, para os Estúdios Centrais da TPA, a partir de qualquer ponto de Angola e do mundo. Permite aos repórteres da TPA enviarem as suas matérias a partir do exterior com maior rapidez, facilidade e eficiência e permite, também, aos telespectadores e ao público em geral, o envio de “vídeo clips” de interesse público, captados com telemóveis inteligentes directamente para os estúdios da TPA.

mercado

O mercado televisivo em Angola registou um crescimento assinalável na última década. A indústria televisiva angolana revolucionou profundamente o relacionamento entre as pessoas, mudando estilos de vida, hábitos e costumes. Impulsionou a publicidade como alavanca importante no desenvolvimento dos negócios, potenciando igualmente o investimento estrangeiro. Com a entrada em actividade de novos canais de televisão em Angola, o mercado tornou-se mais competitivo e atractivo, aumentando as opções para os telespectadores.

COMUNICAÇÃO

A TPA descobriu ao longo dos anos que a comunicação interna e externa é fundamental para o crescimento e relacionamento com os seus colaboradores e parceiros. Várias acções têm sido feitas no sentido de uniformizar e aproximar a comunicação da Marca. Consequentemente, em 2008, deu-se o lançamento da TPA Internacional, com maior abrangência a nível mundial, dando a esta Marca mais notoriedade e visibilidade.

Uma das ferramentas usada pela empresa é a TPA Multimédia, que colocou ao dispor do seu público inúmeros conteúdos e serviços interativos.

A TPA, como um prestador de serviço televisivo público, tem ainda desenvolvido várias acções de carácter social, realizando torneios desportivos em prol do desenvolvimento do desporto angolano e promovendo a cultura angolana, oferecendo espaços para a emissão de “spots” publicitários.

vantagens competitivas

Os objectivos estratégicos da TPA colocam a emissora num patamar de excelência dentro e fora de portas. Entre eles há a destacar a continuação da migração para o Centro de Produção de Camama, com a migração das equipas de produção de conteúdos de entretenimento (início da Ficção); e o processo de reestruturação da empresa, que se baseia na continuação do ajustamento da estrutura organizacional, na melhoria dos processos e procedimentos, na melhoria dos sistemas

contabilístico e de gestão integrados, a introdução de sistemas de controlo interno, a capacitação dos recursos humanos, a aquisição de novos meios Informáticos e tecnológicos, a modernização das áreas de suporte a produção televisiva e a implementação de sistemas de informação. Fazem ainda parte dos objectivos da empresa a realização do processo da salvaguarda física do património do arquivo, através da

digitalização/ informatização e classificação (possibilidade do lançamento do Canal Memória/História) e tornar a empresa economicamente equilibrada, minimizando custos e optimizando receitas de publicidade, multimédia, marketing e conteúdos de arquivo.

TPA
sabia que?

Em 2015, a TPA completa 40 anos, os mesmos que a Independência Nacional de Angola.

A TPA foi a Instituição que angariou bens para ajudar a população de Benguela, vítima das cheias – TPA Solidária.

A TPA é a maior vencedora de Leões de Ouro da FILDA, na categoria Imprensa.

Uma boa parte das telenovelas Jikulumessu e Única Mulher foram gravadas dentro da "cidade cinematográfica", situada dentro das instalações e estúdios da TPA, em Camama.

contactos

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.